Buscar

O que faz o Terapeuta da Fala?



Terapeuta da Fala é o profissional responsável pela prevenção, avaliação e intervenção ao nível da comunicação, linguagem oral e escrita, articulação verbal, fluência, voz e motricidade orofacial (estruturas e funções). Intervém junto de indivíduos de todas as faixas etárias, desde o recém-nascido ao idoso, e com as mais variadas patologias, tendo como principal objetivo a otimização das competências do indivíduo, melhorando, assim, a sua qualidade de vida.


Na área da linguagem, o Terapeuta da Fala intervém junto de crianças com alterações no desenvolvimento linguístico, p.ex. na aquisição de vocabulário e na construção frásica. Intervém também junto de adultos com afeção da linguagem devido a alterações neurológicas, p.ex. após a ocorrência de um Acidente Vascular Cerebral.


A linguagem escrita é também uma das áreas de intervenção, focada em auxiliar crianças com dificuldades na aquisição da leitura e da escrita e em adolescentes com dificuldades na fluência e velocidade leitora, na correta leitura das palavras, na compreensão de textos, na construção de textos e que apresentam uma elevada quantidade de erros na escrita.


Ao nível da articulação verbal, auxilia na correta produção dos sons da fala (fonemas). Intervém, assim, tanto em crianças com dificuldades na aquisição dos fonemas ou que realizam trocas e omissões de fonemas no seu discurso, como em adultos que pretendem melhorar a produção de determinados fonemas.


No que respeita à fluência, a intervenção do Terapeuta da Fala visa melhorar o discurso de crianças, jovens e adultos que apresentam repetições de sons/palavras, prolongamentos de sons, hesitações e/ou bloqueios no seu discurso (gaguez).


Na área da comunicação, é responsável pela melhoria das competências de interação verbal e não verbal, da intencionalidade comunicativa e das funções comunicativas de crianças com alterações neste campo, devido p.ex. a uma Perturbação do Espectro do Autismo.


A voz é outra área de intervenção do Terapeuta da Fala, que realiza o acompanhamento de indivíduos com alterações na vibração das pregas vocais (apresentando p.ex. rouquidão), devido a uma lesão como a presença de nódulos ou devido a um mau uso e abuso vocal. O profissional irá orientar o indivíduo na realização de exercícios para a melhoria da sua voz e fornecer estratégias para o correto uso da voz no seu dia a dia.

Intervém, também, na área da motricidade orofacial, ao nível da reabilitação das funções e estruturas do sistema estomatognático. Assim, poderá acompanhar recém-nascidos com dificuldades de sucção no processo de amamentação, auxiliar no processo de deglutição (ato de engolir; p.ex. devido a um AVC), ao nível da mastigação, nas alterações respiratórias (p.ex. em respiradores orais) ou na melhoria da estética facial (p.ex. nas assimetrias faciais).


Se apresentar ou conhecer alguém que apresenta alterações ao nível das áreas acima referidas, não hesite em marcar uma avaliação. Uma intervenção atempada é a chave para o sucesso terapêutico.


Texto elaborado por: Cindy Fernandes, Terapeuta da Fala.



7 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Ansiedade

+351 915 465 134

  • Branco Facebook Ícone
  • Branca Ícone Instagram
  • Branca Ícone LinkedIn